(21) 2595.6290 (21) 98846.1847
contato@malanasmaos.com.br

Onde se Hospedar em Barcelona?

Barna para os íntimos.

Das grandes capitais da Europa (Barcelona é a capital da Catalunha), esta é a mais divertida de visitar. Não há nenhuma atividade dita obrigatória que cheire a chatice; se quiser, você pode passar a temporada inteira sem enfrentar nenhuma fila.

Quase tudo é para ser feito ao ar livre: passear pelos bairros medievais (o alternativo Raval, o popular Bairro Gótico, o sofisticado Born), ver as fachadas modernistas (de Gaudí e seus contemporâneos) no Eixample, subir ao Parque Güell e a Montjuïc.

E quando quiser ver uma Barcelona com menos estrangeiros, dê uma chegadinha na noite de Gràcia, um bairro classe-média que permanece fora do circuitão, e onde todos sabem que Barça é o time: a cidade é Barna.

Quando ir?
O inverno é ameno (entre 5 e 14 graus); o verão, bem quente (máximas acima dos 30 graus). Chove muito pouco; setembro e outubro são os únicos que vêem precipitação acima dos 50 mm.
Do final de junho a setembro dá para ir a Barcelona como quem vai ao Rio: a cidade vira uma metrópole praiana. (As melhores praias urbanas estão pra lá da Barceloneta; continue até Bogatell, onde estão as barracas – chiringuitos – mais bem freqüentados, ou prossiga à nudista Mar Bella.)

A época mais disputada de hospedagem na cidade é durante o festival moderninho Sónar, que acontece em junho. No verão também dá para combinar Barcelona com a balada de Ibiza.

Onde ficar?
Evite pegar hotel rente à Rambla (quanto menos você passar por ela, melhor) ou nos corredores mais muvucados do Bairro Gótico. Ficar na praia também não é ideal, porque acaba sendo pouco prático no dia-a-dia.
Os lugares mais bacanas para se hospedar são, naturalmente, os bairros mais bacanas: Raval, Born, Eixample.
De preferência, num hotel com alguma pretensão de estilo. Barcelona respira design, e há hotéis estilosos para todos os bolsos.

Se for alugar apartamento, procure no Born – onde muitos edifícios foram restaurados para renting – e no Eixample (onde você vai se sentir mais compartilhando a verdadeira cidade dos barceloneses).

Deixe um comentario